Consulta Popular   26/09/2017 | 12h54     Atualizado em 07/10/2017 | 11h09

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Movimento "O Sul é o Meu País": plebiscito acontece hoje (7), veja urnas em São Marcos

O Plebisul, processo de iniciativa popular, visa à participação da comunidade na votação pela independência do Sul do Brasil. No dia 7 de outubro a população pode votar pelo ’sim’ ou ’não’ nas urnas que estarão no Super Marco,

Movimento O Sul é Meu País chega a São Marcos: plebiscito no dia 7 de outubro
Movimento O Sul é Meu País chega a São Marcos: plebiscito no dia 7 de outubro
Foto: Divulgação O Alvoradense

Separar os Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul do restante do país é o objetivo da consulta popular do próximo dia 7 de outubro. O movimento "O Sul é o Meu País" é um processo de iniciativa popular, com cerca de 25 anos de atuação, e, agora, através do Plebisul, fará votação entre os munícipes para apurar a aceitação ou não ao novo modelo. A votação neste ano tem como meta obter a opinião de cerca de 1 milhão de votantes sulistas, abranger 50% dos municípios e alcançar 50% de votos favoráveis à separação. No dia 7 de outubro haverá urnas em municípios dos três Estados envolvidos no movimento, e São Marcos também participará da votação.

 

O Comitê Municipal do movimento "O Sul é o Meu País", representado pela são-marquense, Lorena Pegoraro Fiaminghi, terá mesas em alguns pontos da cidade para que a população possa opinar livremente através da votação nas urnas. Haverá mesários nos locais com crachá de identificação e faixa na parede indicando o local do Plebisul. Neste dia, as urnas funcionarão das 8h às 17, em frente à Cooperativa Rio Branco - Super Coop I (Rua José de Alencar, 160), em frente ao Super Marco (Rua Carlos Gomes, 1010) e em frente à Cooperativa Rio Branco - Super Coop II (Rua Padre Feijó, 357). É necessária a apresentação do título de eleitor. A votação caracteriza um processo pacífico e democrático, através de uma ampla consulta de opinião.

 

Entenda o movimento!

textos

"O Sul é o Meu País" é um movimento que apresenta como proposta a criação de uma República Municipalista Parlamentar, formada pelos Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, objetivando a autonomia destes em relação ao restante do Brasil. Neste modelo de governo, os defensores do movimento afirmam que o Estado será formado pelos municípios e pela União, ou seja, toda a gestão será realizada pelo município, além da arrecadação e aplicação dos recursos permanecerem no próprio. Após 20 anos de luta, o movimento retornou com força em 2012, após constatar apoio significativo da população. A justificativa central do movimento é o desligamento das altas taxas tributárias estabelecidas pelo governo federal. Juntos, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, representariam uma população de quase 30 milhões de habitantes.

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia