Polícia em São Marcos   12/02/2018 | 10h34     Atualizado em 12/02/2018 | 12h23

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

São Marcos: Polícia Civil prende Vilmar Novello pelo homicídio de irmão em Pedras Brancas

Vilmar Novello estava respondendo em liberdade por homicídio qualificado, mas mandado de prisão preventiva foi cumprido no último dia 7 de fevereiro. Ele matou o irmão Danilo Novello com três tiros pelas costas, no dia 21 de janeiro

Vilmar Novello, 54 anos, foi encaminhado à Penitenciária do Apanhador no dia 7 de fevereiro
Vilmar Novello, 54 anos, foi encaminhado à Penitenciária do Apanhador no dia 7 de fevereiro

Foto: divulgação Polícia Civil

Na última quarta-feira, 7 de fevereiro, a Polícia Civil de São Marcos cumpriu mandado de prisão preventiva de Vilmar Novello. Ele matou o irmão, Danilo Novello, de 50 anos, no dia 21 de janeiro, no salão da comunidade de Pedras Brancas, devido a provável desentendimento sobre divisão de terras no interior do município. Vilmar estava respondendo em liberdade por homicídio qualificado (ele desferiu três tiros a queima roupa nas costas de Danilo, mas o mandado de prisão preventiva, solicitado à Justiça pela Delegacia de Polícia Civil, foi decretado na quarta-feira e cumprido no mesmo dia. Após as formalidades, Vilmar foi encaminhado à Penitenciária do Apanhador. Conforme o delegado da Polícia Civil de São Marcos, Luciano Righes Pereira, o inquérito policial será remetido no prazo de 10 dias.

 

Ouvido pelo L’Attualità, o promotor de Justição de São Marcos, Evandro Lobato Kaltbach, destacou a motivação do mandado de prisão concedido pela Justiça. "Prisão absolutamente necessária, em razão não só da gravidade do crime, hediondo, porquanto se trata de homicídio, ao menos, duplamente qualificado, e também a fim de evitar que novos fatos igualmente graves possam voltar a acontecer em razão da situação beligerante que ainda persiste entre as famílias", ressaltou o promotor.