Festa de São Marcos   12/04/2018 | 11h34     Atualizado em 12/04/2018 | 21h45

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Festa de São Marcos oferece boa gastronomia e atrações culturais de 18 a 25 de abril

Na próxima quarta-feira (18), programação religiosa terá início com o 4º Festival de Coros, na Igreja Matriz. Programação social terá tortelada dia 19 e almoço festivo no dia 22. Ingressos estão à venda

Inês Rizzardo animou tortelada da Festa de São Marcos também em 2017
Inês Rizzardo animou tortelada da Festa de São Marcos também em 2017

Foto: divulgação

A tradicional Festa de São Marcos acontece oficialmente de 18 a 25 de abril, mas algumas atrações sociais já tiveram início. A venda de bucho, por exemplo, é tradição na comunidade e aconteceu ainda no dia 10 de março, tendo sido vendidos cerca de 360 kg. Neste sábado, dia 7 de abril, aconteceu também o Jantar Dançante, que reuniu em torno de 350 pessoas no Salão Paroquial. O evento foi animado pela banda Itamone e, no início, os filhos de Pedro Polo recepcionaram os participantes com seus violinos. "Nós fazemos a avaliação de acordo com o que o povo fala. E nenhuma pessoa nos disse que houve alguma falha no baile, na decoração ou qualquer outra coisa. As músicas também agradaram a todos. O sucesso do baile foi tão grande que os próximos festeiros vão ter facilidade para vender ingressos", brinca o festeiro de honra Alfredo de Lavra Pinto.

As primeiras atrações já sinalizaram o sucesso da festa do padroeiro, mas a programação oficial inicia no próximo dia 18 de abril, quarta-feira, com o 4º Festival de Coros, na Igreja Matriz. As apresentações terão início às 19h30. "Na quarta-feira o Coro irá abrilhantar a abertura da nossa festa. É o quarto ano que isso acontece e novamente vamos abrir essa grande festa com o pessoal cantando, agregando cultura. Nós acreditamos muito nessa formação cultural. É muito emocionante", destaca o padre Tadeu Libardi Boff. Após a abertura oficial, iniciam os tríduos na Igreja, nos dias 19, 20 e 21, a partir das 19h30.

Festival de Coros dará início à programação religiosa na Igreja Matriz, dia 18
Festival de Coros dará início à programação religiosa na Igreja Matriz, dia 18

Foto: divulgação

No dia 19 de abril, quinta-feira, também acontecerá a Tortelada no Salão Paroquial. A animação será com a cantora Inês Rizzardo, de Bento Gonçalves. "Ela canta músicas italianas e  já veio para São Marcos. Todos gostaram porque ela é muito comunicativa e interage bastante com o público", destaca o festeiro de honra. Os ingressos para adultos custam R$ 30, para crianças R$ 20 e para crianças de até 6 anos será cortesia. "Os ingressos podem ser comprados com os festeiros e também na casa paroquial. É importante que os adultos que comprarem seus ingressos, peguem também as cortesias para as crianças para que não falte mesa", reforça Alfredo.

No dia 22 de abril, domingo, será celebrada missa festiva às 10h30 e, após, será servido almoço. Para marcar mais um momento de cultura e resgate histórico da festa, durante o almoço será feita homenagem às antigas equipes administrativas da Paróquia de São Marcos. "Uma vez eram chamados de fabriqueiros, serão chamados todos desde 1960 até hoje, foram 14 equipes. Eles vão receber uma homenagem, mas é surpresa. Vai ser emocionante, porque também vai ter os representantes dos que já faleceram", destaca Alfredo. Os ingressos para o almoço custam R$ 40 para adultos e R$ 25 para crianças de 7 a 12 anos. Eles também podem ser adquiridos com festeiros e na secretaria da Paróquia.

Arquivo Pe. José Carlos Gobbi contará história da Paróquia e comunidades de São Marcos

A programação da Festa de São Marcos finaliza no dia 25 de abril, quarta-feira, no dia do padroeiro. Será celebrada missa às 19h30 e, em seguida, acontece a inauguração do Arquivo Pe. José Carlos Gobbi, às 20h30. "Será inaugurada uma sala onde terá um arquivo, contando a história dos padres da Paróquia, o Davi, Pedro, Monsenhor Henrique Compagnoni, Carlos e outros, e também das pastorais, das comunidades. Contará toda a história, é um arquivo bem guardadinho", conta o padre Tadeu. A sala ficará no Salão Paroquial e poderá servir para pesquisas e consultas sobre a história do município. "As pessoas poderão vir aqui para fazer algum estudo, conhecer alguma comunidade", ressalta.

O padre Tadeu destaca que a Paróquia de São Marcos desenvolve um trabalho intenso para preservar e incentivar a cultura através da religião. Além dos museus e da biblioteca paroquial, São Marcos também contará com este arquivo específico sobre a história da Paróquia. "Procuramos incentivar a questão religiosa e cultural. Uma ajuda a outra, desenvolvendo isso criamos uma ligação. Ao redor da Igreja Matriz temos várias salas que nos ajudam a desenvolver a parte cultural", pontua Tadeu Libardi.