Viagem   25/06/2018 | 15h57     Atualizado em 25/06/2018 | 16h08

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Alunos da Speakeasy de São Marcos realizaram viagem para a Colômbia

No mês de maio, alunos da Speakeasy Escola de Idiomas visitaram Cartagena das Índias e Bogotá, capital da Colômbia

São-marquenses conhecendo o Castillo de San Felipe em Cartagena, na Colômbia
São-marquenses conhecendo o Castillo de San Felipe em Cartagena, na Colômbia
Foto: divulgação

Nos dias 17 a 27 de maio de 2018, os alunos de espanhol da Speakeasy, escola de idiomas de São Marcos, William Pedrotti, Maira Michelon, Nicole Cioato e Luciana Carraro (de Campestre da Serra) realizaram um intercâmbio cultural nas cidades de Cartagena das Índias e Bogotá, capital da Colômbia. Em Cartagena, os alunos visitaram a Ciudad Amurallada ou a cidade amuralhada, o Castillo de San Felipe, apreciaram as praias caribenhas, entre outros lugares de interesse histórico e cultural, tais como o Centro Cultural Gabriel Garcia Márquez, igrejas, praças, bibliotecas e parques. "Nós conhecemos lugares diferentes, muitos museus, centros históricos e cada lugar que a gente ia tinha uma história. Na cidade amuralhada tem uma parte histórica e a outra não. A parte onde tem o muro é onde viviam os nobres e reis e na outra parte é onde ficavam os escravos. Uma cidade muita bonita", conta a aluna Maira Michelon. Ela, que estuda Espanhol há mais de 1 ano na Speakeasy, destaca que a viagem é uma experiência muito gratificante. "É uma experiência muito produtiva, porque lá você tem que falar a língua 24h por dia, quando a gente ia falar tinha que pensar e falar naquele idioma", explica a estudante.

Alunos visitaram igrejas, praças, bibliotecas e parques, entre outros lugares históricos
Alunos visitaram igrejas, praças, bibliotecas e parques, entre outros lugares históricos
Foto: divulgação

Na capital colombiana os alunos visitaram o Museu do Ouro, que conta com mais de 33 mil peças de ouro pré-colombiano e outros 25 mil objetos de pedra, cerâmica, osso e têxtis. Eles conheceram também o Museu de Botero, um famoso artista que retrata nas suas obras proporções volumosas. Além de pontos turísticos, os estudantes são-marquenses visitaram a Universidad Nacional de Colômbia, onde prestigiaram a Orquestra Filarmónica de Bogotá, passearam por El Santuario de Monserrate, de onde pode se ver grande parte da cidade, que possui mais de 10 milhões de habitantes. Maira destaca como o país valoriza a música e as artes. "Uma coisa que eu achei muito interessante é que lá eles valorizam muito a música, há crianças que desde pequenas já têm aulas e isso é muito bom para a inteligência da criança", observa.  A professora de inglês, Sandra Regina Scodro, explica a importância de conviver com a língua estudada. "Quando você está estudando uma língua pode conhecer o lugar e a cultura onde essa língua é a língua mãe, isso é uma experiência muito gratificante, tanto de conhecimento quanto cultural", aponta Sandra. E os resultados são visíveis nos alunos, como lembra a professora da Speakeasy. "Eles puderem ver que o que aprendem é valioso. Ficam muito mais confiantes, o grupo fica bem mais entrosado e com uma bagagem muito maior", comenta Sandra.

Os estudantes que participaram da viagem possuem conhecimento do nível A1, nível avançado do idioma espanhol, e foram acompanhados pelo professor de espanhol da Speakeasy Jesus Alberto Herrera, que na oportunidade esteve na Colômbia também para apresentar um trabalho na Universidade da Colômbia.

?O objetivo é o aprendizado da língua e a comunicação em diferentes situações?

Estudantes e o professor Jesus Herrera passeiam pelo Centro Cultural Gabriel Garcia Márquez
Estudantes e o professor Jesus Herrera passeiam pelo Centro Cultural Gabriel Garcia Márquez
Foto: divulgação

 O curso de espanhol da Speakeasy proporciona a experiência de mergulhar na cultura espanhola. As aulas possuem carga horária de duas horas semanais e realizam debates de assuntos atuais, cultura, gastronomia, músicas, séries e filmes. "O objetivo é o aprendizado da língua e a comunicação em diferentes situações", destaca a professora e diretora da escola, Sandra Scodro. A Speakeasy oferece turmas do nível A1 ao C1 (avançado e conversação), de acordo com Quadro comum europeu de referência para línguas. Para ingressar no curso de espanhol informe-se na secretaria da escola pelo telefone 3291 2650. A Speakeasy também oferece provas de nivelamento para pessoas que já têm um certo domínio do idioma.