Mulita   25/06/2018 | 16h33     Atualizado em 26/06/2018 | 08h41

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Baleado pela Defrec em São Marcos, Mulita acabou falecendo em Hospital de Porto Alegre nesta segunda-feira (25)

Mulita foi baleado próximo a coluna quando foi capturado pela policia de São Marcos em maio
Mulita foi baleado próximo a coluna quando foi capturado pela policia de São Marcos em maio
Foto: divulgação

O traficante Ariovaldo Bopsin da Silva, 44 anos, Mulita como era conhecido, foragido da Justiça e capturado em São Marcos, no último dia 31 de maio, quando foi baleado pelos policiais e precisou ser encaminhado para atendimento no Hospital São João Bosco, acabou não resistindo ao tratamento para recuperação e falecendo em Hospital de Porto Alegre, nesta segunda-feira (25).

 

A causa, ainda não confirmada oficialmente, teria sido uma embolia pulmonar, conforme informações preliminares apuradas pela Delegacia de Polícia Civil de São Marcos. Ariovaldo era natural de São Marcos e deixa dois filhos. Conforme a Polícia Civil, ele não possuía antecedentes ou condenação por homicídio.