Saúde   05/09/2018 | 16h20     Atualizado em 05/09/2018 | 17h46

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Campanha Nacional contra a Paralisia Infantil e Sarampo atinge meta de 95% em São Marcos

Campanha encerrada no último dia 31 de agosto atingiu e ultrapassou meta, vacinando 103% das crianças contra paralisia e 104% contra o sarampo

Em São Marcos, 932 crianças foram vacinadas contra paralisia e 935 contra o sarampo
Em São Marcos, 932 crianças foram vacinadas contra paralisia e 935 contra o sarampo

Foto: ilustrativa

A Campanha Nacional contra a Paralisia Infantil e Sarampo, realizada de 6 a 31 de agosto, atingiu e ultrapassou a meta de 95% em São Marcos. Conforme informações da Vigilância em Saúde do município, foram 932 crianças vacinadas contra a Paralisia Infantil (103,90%) e 935 crianças vacinadas contra o Sarampo (104,24%). "Aproveitamos a oportunidade para agradecer a todos os envolvidos que, de uma forma direta ou indireta, contribuíram para o êxito dessa ação preventiva. Em especial, agradecemos aos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, Rotary, pais, comunidade escolar e meios de comunicação. Sem eles nossas crianças não teriam tido a oportunidade de estarem protegidas contra a Paralisia Infantil e Sarampo", destaca a enfermeira chefe da Vigilância em Saúde de São Marcos, Bruna Gonçalves.

 

O Rio Grande do Sul ainda não atingiu a meta de vacinação contra a Paralisia Infantil e Sarampo. De acordo com o Ministério da Saúde, a média nacional de vacinação está em 86%. Somente os estados do Espírito Santo, Santa Catarina, Pernambuco, Rondônia, Amapá e Sergipe atingiram a meta de vacinar, pelo menos, 95% das crianças. Como os índices de imunização estão baixos, o Ministério da Saúde ampliou o prazo e deu permissão para que cada estado desenvolva a melhor estratégia para atingir a meta.