Prisões   11/10/2018 | 08h50     Atualizado em 11/10/2018 | 09h21

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Ação da Polícia Civil faz 16 prisões, sendo 11 em São Marcos na manhã desta quinta-feira (11)

Investigação conduzida pela Polícia Civil de São Marcos apontou envolvimento de 20 pessoas no município que atuavam a mando do líder de uma facção criminosa atuante em Caxias do Sul

Operação Parceiros fez 16 prisões com participação de 40 policias e 16  viaturas
Operação Parceiros fez 16 prisões com participação de 40 policias e 16 viaturas

São Marcos amanheceu nesta quinta-feira (11) com a movimentação de viaturas da Polícia Civil ainda muito cedo. Trata-se da operação Parceiros da PC em conjunto com o Ministério Público, que tem como alvo o cumprimento de 16 mandados de prisão preventiva por envolvimento com tráfico de drogas, 12 mandados de busca e apreensão e uma apreensão de um veículo. Até o momento foram 11 prisões no município, mais uma ainda não confirmada em Vacaria e outras 4 prisões decretadas já eram de 4 indivíduos que já estavam recolhidos no sistema penitenciário de Caxias do Sul. "Esse trabalho conjunto do Ministério Público e Policia Civil demonstra a perfeita integração das forças de segurança pública do municipio contra a tentativa do crescente avanço das facçoes criminosas que tencionam tomar e avançar com os pontos de tráfico na cidade. Foi uma resposta à comunidade local de que as instituições públicas de seguranca do município estão sempre atentas aos fatos que acontecem na cidade com incessante, contínuo e permanente trabalho de combate ao crime, especialmente o crime organizado", declarou ao L´Attualità nesta manhã (11) o promotor de Justiça do Ministério Público de São Marcos, Evandro Lobato Kaltbach.

A Operação Parceiros envolveu a atuação de 40 policiais civis de São Marcos e da região com suporte de 16 viaturas. Das 16 prisões, 3 são por tráfico de drogas mas não têm ligação com a facção criminosa de Caxias do Sul, Manos da Serra. A investigação conduzida pela Polícia Civil de São Marcos apontou envolvimento de 20 pessoas no município que atuavam a mando de um líder desta facção criminosa, que se encontra no presídio. "Sendo que, desses 20 investigados, alguns possuem indício de prática de homicídios em São Marcos, havendo participação também de adolescentes infratores", informou o delegado da DP de São Marcos, Edinei Albarello.