Polícia em São Marcos   05/09/2017 | 09h39     Atualizado em 05/09/2017 | 18h51

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

BM de São Marcos registra mais um furto a estabelecimento comercial na madrugada de segunda-feira (4)

Nesta segunda-feira (4), a Brigada Militar de São Marcos atendeu ocorrência de furto a estabelecimento e localizou objetos furtados próximo ao Calvário, identificando o suspeito. Policiais também recuperaram veículo em situação de furto

textos

Na madrugada desta segunda-feira, 4 de setembro, por volta das 2 horas, a Brigada Militar de São Marcos recebeu ligação de um homem de 47 anos, informando uma ocorrência de furto arrombamento em estabelecimento comercial. A vítima foi informada através de empresa de monitoramento e foi até o local, constatando o arrombamento. O vigilante também comunicou a BM e informou a localização do provável suspeito do furto. Os policiais iniciaram as buscas e localizaram próximo ao Monte Calvário os objetos furtados, que foram abandonados no local. O suspeito foi reconhecido, pois os objetos estavam na mochila utilizada por um indivíduo praticante de atos ilícitos com o mesmo modo operante, contudo ainda não foi localizado pela polícia, mas já foi expedido seu mandado de prisão. A vítima prestou depoimento na Delegacia de Polícia Civil de São Marcos. 


Na tarde desta terça-feira (4), por volta das 15h40, a BM recebeu informações anônimas sobre um veículo aparentemente abandonado na Estrada Rio Branco, na Linha Ilhéus. Um Fiat Palio, branco, estava estacionado às margens da via pública e apresentava danos no parabrisa dianteiro e vidros laterais. Os policiais verificaram o sistema e constataram que o mesmo estava em ocorrência de furto, ocorrido em Santa Catarina. No interior foram localizadas peças de roupas usadas e 6,6g de substância semelhante à maconha. De acordo com informações, o veículo foi abandonado nesta segunda-feira, próximo ao meio dia. Ele foi recolhido ao guincho e os objetos foram entregues na Delegacia de Polícia Civil, para confecção do registro.

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia